voltar à página inicial

 

O banco de dados dos Planos de Manejo Florestal Sustentado da Caatinga visa oferecer uma listagem de todos os Planos de Manejo elaborados e/ou implementados no bioma Caatinga.

Uma primeira versão foi construída em 2005 a partir de um levantamento em todas as superintendências do IBAMA do NE (PI, CE, RN, PB, PE e BA) bem como na SEMACE.

Em 2007, uma primeira atualização do banco foi realizada nestes mesmos estados e disponibilizada neste site. Uma segunda atualização foi realizada em todos os órgãos estaduais de meio ambiente a partir de meados de 2012.

O banco de dados ora disponibilizado trata da terceira atualização realizada em estreita colaboração com os órgãos estaduais de meio ambiente. No caso do Ceará, a própria SEMACE mantém o seu banco atualizado permanentemente e o cedeu gentilmente para compor o banco geral do Nordeste. Nesse momento, o banco de dados dos estados de Pernambuco, Bahia e Rio Grande do Norte ainda é parcial.

Vale salientar que os estados de Sergipe e Alagoas não dispõem de Planos de manejo.

O objetivo deste banco é oferecer um panorama histórico e a situação atual da implementação do manejo florestal da caatinga mediante Planos de Manejo protocolados nos órgãos responsáveis.

O banco apresenta as principais informações de cada Plano incluindo localização, área, produção, produto e situação de regularização.

Os gráficos abaixo apresentam a dinâmica do número e da área de manejo florestal no bioma Caatinga.

Fonte: APNE - construção própria

Fonte: APNE - construção própria
 
Apenas considerando os Planos de Manejo "ativos", obtém-se outro quadro:

Fonte: APNE - construção própria

Fonte: APNE - construção própria

O número de PMFS ativos (588) representa 67% do total de planos protocolados nos órgãos responsáveis. Em termos de área manejada, os planos de manejo ativos representam 68% do total, atingindo em 2012 quase 400 mil ha manejados.

Considerando uma superfície do bioma de 850.000 km2 com uma área de remanescentes em torno de 425.000 km2 (50%), apenas 0,9 % da área de vegetação nativa está sob regime de manejo florestal sustentado.
 
Confira o mapa!